Redes sociais, terapias ocidentais e o século XXI

Redes sociais, terapias ocidentais e o século XXI